Foi publicado no último dia 8/8, a Nota Técnica Conjunta nº 74/2022 assinada pela Coordenação-Geral de Laboratórios de Saúde Pública (CGLAB), pelo Brazilian Committe on Antimicrobial Susceptibility Testiing (BrCAST) e pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA), sobre o aumento na frequência de isolamento de bactérias multirresistentes, em especial dos bacilos Gram-negativos (BGN) produtores da metalo-beta-lactamase “New Delhi” (NDM).

O documento aponta que a partir do surgimento do novo coronavírus (SARS-CoV-2), também foi registrado um incremento qualitativo e quantitativo de isolados de bactérias com perfil de multirresistência, em especial os bacilos Gram-negativos (BGN) produtores da metalobetalactamase NDM, e coprodutores de enzimas relacionadas ao perfil de resistência aos carbapenêmicos (KPC e NDM), bem como espécies do complexo Acinetobacter baumannii resistentes aos carbapenêmicos.

A Nota Técnica tem o objetivo de reforçar as orientações para a intensificação da vigilância integrada desses microrganismos. Além de enfatizar a necessidade de intensificar a vigilância laboratorial e a epidemiológica, de forma integrada, para que possa ser realizada a detecção precoce destas cepas, incluindo recomendações para detecção laboratorial dos mecanismos de resistência e realização de teste de sensibilidade aos antimicrobianos (TSA).

Por enquanto, a causa dessa elevação de casos identificados de Enterobacterales produtores de NDM, ainda precisa ser pesquisada com maior profundidade. Porém, alguns estudos sinalizam existir uma relação direta entre o uso indiscriminado de antimicrobianos durante a pandemia, com um possível aumento dessa situação.

Para se adaptar a essa recomendação, uma das ferramentas disponíveis no mercado, é o meio CHROMagar™ KPC, meio cromogênico seletivo destinado à detecção de bactérias gram-negativas com sensibilidade reduzida à maioria dos antibióticos da classe dos carbapenêmicos.

Outras recomendações para adequar para o uso rotineiro da Norma em laboratórios de análises clínicas, podem ser consultadas na Nota Técnica.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

You may use these <abbr title="HyperText Markup Language">html</abbr> tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

4 + 2 =